quarta-feira, 20 de julho de 2011

Warning sign

Olha: eu não tenho tempo para
não me toques,
não me fales,
não posso,
não sei,
"será que devo?"
Por favor,
não  me venha com parvalhices e
esses infantis desassossegos.

Eu não tenho tempo para
contradições,
contra-adições,
frases de efeito,
frases – defeito
Fingir que não quero comer
quando meu desejo verte
pelos olhos
e arde  na minha boca

Eu não tenho tempo...
E me desculpe, mas quem se demora
tanto para provar essa fruta, não merece comê-la
 porque falta a paixão necessária,
a febre de possuí-la
a volúpia para absorvê-la.

(E, por fim...Para que tanto drama se vejo
o desejo-estranhamento
nos olhos.
e teu pensamento
que me (é) chama?)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta aqui: