sexta-feira, 8 de abril de 2011

Apelo em mim

Ouvindo “Everthing she does is magic” , do Police, pensando se esse sorriso meio sarcástico, e/ou incrédulo, que desponta nos meus lábios: permanecerá. (?)
Não...
Eu tenho plena, serena e sóbria consciência, e certeza, que nada resiste a viagem hipnótico-lisérgica-libertadora que o amor proporciona ...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta aqui: