domingo, 20 de março de 2011

Ser

Me estendes os lábios
e minha boca se transforma em mel.
Me quedo como campo,
preparado para o arado de tuas mão.
Sou labareda,
onde preparas as tuas carnes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta aqui: