terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Jogo

Não se aposta


Não se aposta
uma vez só.

uma vez só.

Um comentário:

  1. Conjunção e disjunção...
    onde um e ambos,
    podem ou não (co)existir,
    seguindo processos de restrição reflexivos.
    É talvez das coisas mais profundas que me foi dado a ler
    pela forma "como e onde" colocas as palavras transportando no "movimento" seu profundo e subtil significado.
    Que seja a tua AnteCâmara,
    minha querida,
    das Surpresas do próximo Hoje com a sabedoria de todos os paridos e mortos Onte(ns).
    Stay Zen! :)

    ps: penso que NUNCA será uma "player" mas indubitavelmente és "danada para a brincadeira" :D

    ResponderExcluir

Sinta aqui: